F5J - Fórmula "200m"-Motoplanadores

F5J - Fórmula "200m"-Motoplanadores

Mensagempor Nelsongas » 23 fev 2009, 02:07

:D :D Olá a todos
Após uma paragem para “recarregar baterias” :D cá estamos para mais um época de motoplanadores eléctricos ao mais alto nível, sem esquecer a agradável camaradagem e convívio que caracterizaram todas as provas dos 200w/kg de 2008. Frequentemente vou ver as fotos para recordar.

http://picasaweb.google.pt/gaspar.nelson

Após algumas reuniões entre os associados da APSIA interessados na modalidade de motoplanadores eléctricos de planície, a direcção do clube decidiu fazer alguns melhoramentos/simplificações ao anterior regulamento/modalidade dos “200w/kg” e aderir á recente fórmula “200m” (modalidade inglesa - http://www.esoaring.net; modalidade eslovaca - http://www.f5jfun.com) e desta forma dar um passo em frente na modalidade.

Ao contrário do anterior regulamento dos “200w/kg”, na fórmula “200m” o importante deixa de ser a motorização, controlo de potência, temperatura das baterias, afinações, hélices, possíveis infracções às regras, fichas de ligação às baterias etc. e passa a ser mais importante o conjunto piloto/modelo, ficando, desta forma, todos os pilotos no mesmo pé de igualdade que é a altitude de lançamento de 200 metros (qualquer easyglider ou easystar com motor “chino” consegue chegar aos 200m em 30 segundos).

Na fórmula dos 200w/kg, como todos sabemos , não é muito prático testar todos os modelos em todas as provas (em alguns casos chegou a demorar horas, noutros casos não se conseguiam verificavam todos os modelos), e alguns modelos chegavam a altitudes que não estavam inicialmente previstas nas regras, criando algumas desigualdades entre participantes. Nalguns casos altitudes claramente inferior a 170 metros, e noutros casos claramente superior a 250 metros.

A Direcção da APSIA, pretendeu que o espírito do anterior regulamento ficasse inalterado. Desta forma, e muito resumidamente, a grande diferença/”alteração” é que se substituiu a complicada limitação/controlo de potência dos “200 w/kg”pela simples limitação de altitude de 200m igual para todos os participantes.

Então mas como é feito esse “simples” controlo/limitação de altitude?

Na fórmula “200m” os modelos levam no seu interior um altímetro/interruptor que ao atingir os 200 metros de altitude (medidos desde o local de lançamento) o motor é automaticamente desligado (voltando a poder ser ligado 10 segundos depois por razões de segurança). Todos os altímetros, numa fase inicial, serão de marca igual: http://www.rc-electronics.org
O interesse por estes altímetros ultrapassa estas provas já que podem servir para provas com rebocados ou para simples registos de voos, etc . ou até, com a aquisição de um módulo, funcionar como variómetro com indicação de altitude do modelo (bem melhor do que o simples apito agudo/grave).

Deixo aqui um registo de um voo feito com o "corte" a 200m, e o gráfico feito pelo software do altímetro.

Imagem

A APSIA, como clube impulsionador desta “nova” fórmula, disponibilizará altímetros aos concorrentes que os não tenham, pelo valor simbólico de 5€/prova. Não será a falta de altímetro a impedir quem quer que seja de experimentar a modalidade.
Para quem quiser adquirir o equipamento, também terá preços vantajosos, visto estar a ser criada, pela direcção da APSIA, uma lista de interessados. O preço será de 72€ (preço original 75€ + portes) . Pede-se aos interessados que contactem a direcção da APSIA para saberem pormenores da aquisição através do mail geral@apsia.pt .

Esta modalidade trás muitas vantagens. Além de todos os modelos anteriormente configurados para os “200w/kg” terem entrada directa na fórmula “200m”, ainda tem a vantagem de, para os novos praticantes, a configuração e preço do grupo propulsor ser muito reduzido. A configuração do grupo propulsor passa, em parte, para segundo plano.

Outra alteração prevista na futura fórmula, e no seguimento do espírito de valorizar o conjunto piloto/modelo, será o aumento da pontuação de aterragem. Desta forma pretende-se valorizar a pilotagem e aterragem de precisão. Julgo que todos se lembram da última prova em que um Easyglider ganhou uma manga a um Super Ava na aterragem… Ou um Tango que ganhou a um Cularis na aterragem… :D :D
O regulamento encontra-se publicado na página da APSIA e todos podem consultar.

http://www.apsia.pt/page.php?63

Em breve serão publicados mais pormenores (inscrições etc.) para a primeira prova que se realizará no dia 19 de Abril. No entanto, posso desde já adiantar que, mantêm-se os 5€ de inscrição, sendo gratuita para todos os que nunca participaram numa prova de motoplanadores.

Quanto à Direcção das Provas, e como o espírito é não mexer muito, o “senhor director” dispensa apresentações ;-)

Em breve haverá mais notícias. Até lá, já sabem, toca de caçar térmicas. Qualquer dúvida, sabem onde me encontrar.

NG
Editado pela última vez por Nelsongas em 10 nov 2010, 00:23, num total de 2 vezes.
Avatar do Utilizador
Nelsongas
Participante frequente
 
Mensagens: 446
Registado: 25 dez 2008, 13:06

Re: 1ª Prova da LIPA "200W/kg" de 2009 - 22/03

Mensagempor Moraes » 23 fev 2009, 12:44

Uma pergunta, e juro que é inocente embora seja quase, e atenção é mesmo quase, um protesto.

Esta prova é com regras iguais às que participamos no ano passado?

E se assim for, faz algum sentido?? agora é uma regra para cada prova? a malta se prepara para os 200w/Kg aí, mas aqui até pode emagrecer o modelo pra levar um altímetro e cortar aos 200.

E depois quem fizer a entrada (na modalidade) pela regra alfacinha depois fica desqualificado a competir nas provas tripeiras se tiver mais ou se ficar muito abaixo dos 200/Kg??

Volto a perguntar faz algum sentido duas regras diferentes? Será que a essência da descomplicação, que foi um dos factores de sucesso desta modalidade, foi esquecida?

Podemos criar mais uma regra aqui para "O Alentejo"? Tipo: com altímetro ou sem altímetro, Modelos de foam têm mais 50 pontos por manga. Já que é uma regra para cada casa, se calhar criamos mais uma.

poxa :(
Avatar do Utilizador
Moraes
Fundador
 
Mensagens: 3385
Registado: 20 dez 2008, 14:23
Localização: RJ / Brasil

Re: Motoplanadores - Fórmula 200m

Mensagempor jmestre » 23 fev 2009, 18:22

Olá Morais
Qualquer modelo que competia antes nos 200 watts/kilo continua a poder participar nos 200 metros. Só que agora, com esta regra e os altímetros, tudo ficou/ficará mais simples.

Nada como um exemplo:
O teu Cularis, e tu claro, aparecem no dia da prova e não têm que ficar 2 horas para verificar se está nos 200w/k, é uma vantagem. Depois, quando vão todos para o ar, não há um modelo XPTO que custou balurdios a ficar em 280 metros, e o teu Cularis a ficar nos 180 metros, é outra vantagem. Finalmente, o teu Cularis não é tão performante como o meu Tango ou outro modelo ainda melhor, então podes ter vantagem em aterrar no ponto conseguindo todos os pontos da aterragem, (e vamos supor que eu, apesar de estar no ar mais tempo, não consigo aterrar tão bem), e essa é outra vantagem.

Penso que, com estas regras, se consegue democratizar as condições de partida, e simplificar a prova. Não quer dizer que quem ganhava os 200w/k não continue a ganhar os 200 m, até pode ser que sim, e até é natural que isso aconteça, mas penso que a luta pelo pódio pode ter mais surpresas.

Quanto a regulamentos: acho que ainda não há uma forma perfeita de regulamentos de eléctricos. Todos os anos, há modificações nestas classes, e não me admiro que para o ano que vem, estejamos todos a pôr no modelo mais um chip para limitar qualquer coisa. São tempos de grande evolução no mundo dos eléctricos, e não queremos ficar para trás.
Avatar do Utilizador
jmestre
Participante regular
 
Mensagens: 77
Registado: 08 fev 2009, 12:36

Re: Motoplanadores - Fórmula 200m

Mensagempor Moraes » 23 fev 2009, 18:32

Bem, a ver vamos... Espero que esta mudança não dite um abandono do pessoal à formula, é que estava bom, e diz-se que em equipa que esta a vencer não se "mexe"...

E já que há esta cena de quem não tem os ditos altímetros poder utilizar os da Apsia, ainda bem, pois senão era realmente um factor de dissuasão ter que investir o preço de um Easy num pedacinho de electrónica só porque a malta resolveu mudar a regra... Mas bonito bonito era se houvesse um emprestimo, ainda que um gajo tivesse que pagar uma caução a ser devolvida, mas que não fosse aluguer... Já vamos pagar a inscrição da prova...

Mas pronto, não levem a mal o velho do restelo, neste caso é realmente uma cena de "medo da mudança", na volta até é uma boa mudança, a ver vamos.

Só não percebo é porque num ano com tantas provas nesta classe, vão haver umas provas com umas regras e outras provas com regras diferentes... isso é que não consigo compreender mesmo, não há hipótese de se chegar a um consenso?
Avatar do Utilizador
Moraes
Fundador
 
Mensagens: 3385
Registado: 20 dez 2008, 14:23
Localização: RJ / Brasil

Re: Motoplanadores - Fórmula 200m

Mensagempor Rui Silva » 23 fev 2009, 22:41

Caro JMestre,

Agradecia que comprovasse a sua afirmação que modelos "XPTO" (o que quer que isso seja) na fórmula 200W/kg nivelam nos 280m enquanto outros do tipo Cularis nivelam a 180 metros. Pessoalmente não faço ideia mas como apresenta este argumento deve saber do que está a escrever.

Agora o que tenho a certeza é que modelos do tipo F3B/F3J "electrificados" que não são competitivos nos 200W/kg, como o meu Supra, porque pesam cerca de 2,3kg e tem a potência limitada a 400W, logo saem relativamente baixo (não devem ser XPTO...), na fórmula 200m são competitivos porque não existe limitação de potência e diria mesmo, são os potenciais ganhadores. Qual é a dúvida de quem tem vantagem entre o tal Cularis nivelado a 200m e um moderno F3J com 3,5m de envergadura ou mais também nivelado a 200m? E a aterragem? Não me faça rir, um F3J recente está concebido para aterrar muito devagar porque o bónus máximo é obtido em intervalos de 20cm a contar do alvo...!

Falavam dos modelos "milionários"? Pensem quanto custa um bom modelo moldado, o equipamento r\c e uma boa motorização e vão ter na fórmula 200m modelos "bimilionários" a ganhar.

Caro Moraes, como escreveu, "em equipa que ganha não se mexe". A Direcção da APSIA inscreveu 3 provas 200W/kg no calendário da FPAm, anunciou em carta aos sócios de 16 de Janeiro as tais 3 provas de 200W/kg e que a fórmula 200W/kg era de "interesse crescente" e anuncia mesmo que "... o conjunto de provas de F3F e de 200W/kg darão origem a um troféu anual de cada modalidade..". E a Direcção da APSIA também sabe que vai estar em votação na AG da FPAm a criação duma classe nacional com base nos 200W/kg.

Mas isto não interessa nada porque, no seu perfeito direito, a Direcção da APSIA promove provas para os seus sócios com os regulamentos que lhes apetece aprovar, mesmo que já se esteja em Fevereiro e mesmo que depois a APSIA como clube se arme em revendedora/locatária de equipamentos para outros clubes ou concorrentes...

Notem bem que não tenho a priori nada contra uma fórmula 200m, já tenho encomendado o altímetro limitador e quero experimentar e comprovar as suas vantagens e que também sei perfeitamente das desvantagens dos "200W/kg". Mas gosto de decidir com base em factos e não em propostas que são tão vantajosas que provocam exactamente cá o mesmo que aconteceu em Inglaterra, a divisão dos concorrentes em duas facções, cada uma com as suas regras e o seu calendário de provas. Há ingleses que devem gostar muito das desvantagens dos 200W/kg... mas isto não diz a Direcção da APSIA porque o que interessa realmente é mexer nas regras e satisfazer alguns dos seus sócios.

Bons voos,

Rui Silva
Avatar do Utilizador
Rui Silva
Participante regular
 
Mensagens: 173
Registado: 18 fev 2009, 10:30

Re: Motoplanadores - Fórmula 200m

Mensagempor Chispas » 23 fev 2009, 23:02

Rui Silva Escreveu:... a divisão dos concorrentes em duas facções, cada uma com as suas regras e o seu calendário de provas. Há ingleses que devem gostar muito das desvantagens dos 200W/kg... mas isto não diz a Direcção da APSIA porque o que interessa realmente é mexer nas regras e satisfazer alguns dos seus sócios.

Bons voos,

Rui Silva

Boas, Rui Silva.
Esta última tirada não percebi:
1- Atão não foi a LIPA que o ano passado usou regras diferentes das dos outros clubes nas provas de 200W/Kg que efectuou, nomeadamente a pontução das aterragens? Parece que este ano vão pelo mesmo caminho ou estou enganado?
2- Não era a LIPA que ia apresentar à FPAm um regulamento novo para os 200W/Kg denominado F5JN? Regulamento esse que era diferente do actual 200W/Kg e que se parece muito com o que vão usar nas provas da LIPA ou também aqui estou enganado?
3- A quem satisfazem as mudanças nas regras levadas a cabo nas provas da LIPA?

È tão engraçado acusar os outros daquilo que fazemos, alterar os regulamentos, não é?

Deve ser parecido com o criticar as provas que os outros organizam, 200W/Kg da APSIA e do CAL, e nada dizer das da LIPA, hó pra eles, mandem-lhes pedras que pecaram, mim não.
Avatar do Utilizador
Chispas
Membro do Staff
 
Mensagens: 3406
Registado: 22 dez 2008, 01:15
Localização: Sintra

Re: Motoplanadores - Fórmula 200m

Mensagempor Rui Silva » 24 fev 2009, 00:17

Caro "Chispas",

No ano de 2008 a LIPA organizou a 2ª prova de 200W/kg em Portugal. O regulamento era diferente do adoptado pela APSIA do regulamento inglês no aspecto do bónus de aterragem e na liberdade de o piloto lançar o modelo quando quisesse. Achámos por bem "alinhar" o bónus de aterragem com aquilo que está mais que discutido e aprovado em todas
as classes de planadores térmicos de duração (FAI F3B e F3J e nas classe nacionais Open e Standard), ou seja bónus de 100 pontos para quem aterrar a menos de 1m do alvo, etc. E lembro-lhe que apenas na 1ª e 5ª provas realizadas é que foi imposto o lançamento nos 15 segundos iniciais, na restantes duas provas (que não eram da LIPA) esta regra foi por consenso ignorada.

Nos actuais regulamentos 200W/kg da LIPA e na 200m da APSIA o bónus de aterragem é de 100 pontos e não há limitação no tempo do lançamento, como tal parece-me que o regulamento da LIPA esteve no bom caminho de início. E claro que a LIPA era livre de copiar ou não o regulamento inglês, não havia qualquer compromisso entre clubes.

Em Maio do passado ano tentou-se, por iniciativa minha e da LIPA, formar um grupo que chegasse a um regulamento unificado para aplicação futura e eventualmente como base de proposta de uma classe nacional. Quem mais propostas fez de alteração até foi o Nelson Gaspar, pessoa a quem tenho que agradecer o empenho e trabalho que teve nesse grupo. Acusa-me de não criticar as provas da LIPA?

Lembro-lhe o que eu escrevi no forum RCM Porto acerca da prova da LIPA: "Menos bem esteve o capítulo das verificações técnicas. Não só porque demorou tempo demais como o factor temperatura afecta substancialmente a potência medida (creio que c/ a temperatura elevada no campo permitia às baterias dar cerca de 20% mais de "electrões", pude comprovar quando voltei a verificar c/ o mesmo wattímetro a potência no fresco da minha garagem e os valores voltaram ao "normal"...). Fica p/ aprofundar o ocorrido no tópico respectivo."

Foi precisamente para (tentar) obviar os problemas ocorridos que se fizeram alterações ao regulamento de 200W/kg e que em Outubro a LIPA deu conhecimento à Direcção da APSIA do que seria o regulamento a propor como classe nacional, no nosso entender o tal melhor consenso possível. A Direcção da APSIA decidiu, como é seu direito, não apoiar esta proposta de classe nacional. Não pode é o sr. nem ninguém com conhecimento de causa acusar a LIPA de não tentar tudo para conseguir um consenso para regulamento e uma proposta para a FPAm que tivesse o máximo apoio possível entre clubes.

Como é natural, o regulamento que a LIPA usará nas 3 provas marcadas será o regulamento que apresentamos como proposta á FPAm. Porquê usar outro? Lembro que a nível competitivo não existe qualquer diferença do que usámos o ano passado, apenas se impõe um tipo de fichas para verificação ser expedita e que as baterias sejam carregadas após a 2ª manga para não haver a tentação de fazer a verificação com o pack parcialmente carregado. Como tal acusar-nos de mudar regras para proveito particular não tem qualquer cabimento e lembro que as mesmas alterações foram propostas e decididas por consenso em meados do ano passado, como o Nelson pode testemunhar.

Pergunto novamente, o que tem este procedimento a ver com a decisão "caída dos céus aos trambolhões" da Direcção da APSIA de 19 de Fevereiro? Houve algum debate entre practicantes, entre clubes? Onde estavam as vozes a clamar contra os 200W/kg? Até 16 de Janeiro, pelo menos, o que a Direcção da APSIA pôs no papel, preto no branco, é que o 200W/kg é que era bom e como tal marcaram 3 provas e um troféu de regularidade...

Resta saber o que vai acontecer na próxima AG da FPAm, será que a APSIA vai votar contra as propostas para classe nacional de motoplanadores porque não são "200m"? Vai-se abster? Vota a favor e continua a fazer provas particulares em 2010 de 200m? Tudo isto era perfeitamente evitável se nos tivessemos reunido, debatido e experimentado o melhor para aquilo que penso que todos gostamos, na altura própria, depois da "temporada" de 2008 e antes de se avançar com propostas para a FPAm, fossem os 200W/kg ou 200m, já disse e repito que apenas pretendo saber dos factos e decidir em consciência aquilo que me parecer melhor para o crescimento da modalidade e do aeromodelismo desportivo.

Bons voos,

Rui Silva
Avatar do Utilizador
Rui Silva
Participante regular
 
Mensagens: 173
Registado: 18 fev 2009, 10:30

Re: Motoplanadores - Fórmula 200m

Mensagempor Chispas » 24 fev 2009, 00:54

Boas, Rui Silva.

1- Quando a LIPA organizou a sua prova de 200W/KG alterou o regulamento, logo devia chamar-lhe outra coisa. O Impulsionador estabeleceu o regulamento e regras diferentes das usadas pela LIPA logo na primeira prova que esta realizou.
Quando em Outubro o questionei sobre o dito Regulamento Nacional a ser apresentado à FPAm lembra-se do que me respondeu?
2- Não pode o Rui Silva acusar a APSIA de uma coisa que a LIPA com o seu apoio já fez e ainda vir o Rui Silva questionar as intenções ou objectivos da APSIA. A Direcção da APSIA não está subordinada à sua vontade. Quando acusa a APSIA de criar facções apenas se revê ao espelho, diga o que disser, pois o que me foi enviado como proposta para discussão, o tal F5Jn, era definitivo como se veio a provar.
3- Não respondeu mas sempre gostaria de saber quem afinal é beneficiado na LIPA por estas mudanças de regras que não são as dos 200W/Kg, como escreveu o Rui Silva: "mas isto não diz a Direcção da APSIA porque o que interessa realmente é mexer nas regras e satisfazer alguns dos seus sócios.
"


Quanto a dizer mal da prova da LIPA, nunca tal li da sua parte. Essa da demora: "Menos bem..." é uma festinha.
Acusou as organizações APSIA e CAL de colocar os resultados das mangas no vidro dum carro, pecado dos pecados, e coisas piores ou quer que desenterre os seus posts no R..P...O?

Não fale em consenso entre clubes quando foi a LIPA a primeira a mudar regras e tentar impôr um regulamento nacional sem consenso, debate e experimentação.
Avatar do Utilizador
Chispas
Membro do Staff
 
Mensagens: 3406
Registado: 22 dez 2008, 01:15
Localização: Sintra

Re: Motoplanadores - Fórmula 200m

Mensagempor jmestre » 24 fev 2009, 01:09

Caro Rui

Temos poucas certezas quanto ao futuro, somos apenas aeromodelistas a tentar criar condições para que todos se possam divertir nas provas de modelos eléctricos. Falta ver como as provas vão correr e aprender com o resultado, que espero, seja muito positivo.

Os meus argumentos “técnicos” fazem-no rir. Não queria tanto; escrevo apenas para que o Rui e outros fiquem mais esclarecidos quanto às vantagens do novo modelo de regulamento. E isso, como vejo pela sua confusão, é importante.

Quanto a modelos milionários, e bilionários: peço que leia novamente o que já foi escrito sobre o assunto. Nunca se disse que dois modelos diferentes são iguais, por isso, leia com atenção e verifique que tal nunca foi escrito.

Quanto a regulamentos apresentados na FPAM, não os conheço, não foram discutidos, não foram tornados públicos, não sei nada sobre eles porque nunca os li.

O regulamento dos 200 metros é um regulamento interno para provas da APSIA, fruto da experiência e vontade dos seus sócios. Temos, evidentemente, muito gosto em partilhar esse regulamento com outros clubes caso estes demostrem vontade em seguir o mesmo caminho, mas não é esse sequer o nosso objectivo: queremos apenas que os nossos sócios tenham as melhores provas nas melhores condições.

O Rui critica que “a APSIA como clube se arme em revendedora/locatária de equipamentos para outros clubes ou concorrentes...” Estamos de acordo que novidades destas são uma raridade, e, ao contrário da sua opinião, acho esta iniciativa louvável: não conheço outro clube que tenha mexido uma palha disponibilizando uma peça electrónica aos seus sócios que os possibilite de participar e/ou experimentar uma prova de planadores eléctricos.

Já experimentou o altímetro? Não? Então não critique o que não conhece. Eu e outros sócios, já utilizamos e estamos satisfeitos com o resultado. Quando estivermos em pé de igualdade quanto a experiências feitas no campo com os altímetros, então logo voltamos a falar.

Entretanto, vamos ser sérios, está bem?
Avatar do Utilizador
jmestre
Participante regular
 
Mensagens: 77
Registado: 08 fev 2009, 12:36

Re: Motoplanadores - Fórmula 200m

Mensagempor _King_Pin_ » 24 fev 2009, 01:48

Rui Silva Escreveu:(...)Agora o que tenho a certeza é que modelos do tipo F3B/F3J "electrificados" que não são competitivos nos 200W/kg, como o meu Supra, porque pesam cerca de 2,3kg e tem a potência limitada a 400W, logo saem relativamente baixo (...)

Já existe uma versão "especial" F5J do Supra, "pele" em fibra de vidro (de 25gr/m^2 ??) e com a longarina aligeirada para ter os tais 2Kg. Se escolher bem a motorização e o hélice, está a festa feita. Portanto 200W/Kg não impede modelos de topo de competir, e até incentiva a que os já existentes fiquem ainda mais leves e competitivos, como acontece no caso que referi ou no caso do Pulsar (3.2m) ou do Graphite (3.45m), só para falar em modelos dessa marca.

Portanto, nesse aspecto é indiferente. Ambos os regulamentos permitem modelos de topo.
Avatar do Utilizador
_King_Pin_
Membro do Staff
 
Mensagens: 1356
Registado: 23 dez 2008, 19:46
Localização: Salir do Porto/Caldas da Rainha ou Amadora/Lx

Próximo

Voltar para Competição de Planadores

Quem está ligado:

Utilizador a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante

cron